quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Jornalistas-Pé-De-Microfone

Afinal, para que serve o jornalismo?

No início desta semana surgiu um video de uma alegada praia no Algarve (nem sabemos se as imagens são de uma praia em Portugal). O vídeo foi publicado no Facebook e mostra uma série de toalhas estendidas numa praia, sem banhistas. O autor do vídeo diz que aquelas toalhas são deixadas na praia de um dia para o outro, garantindo aos banhistas os melhores lugares da praia.


Como este tipo de fenómenos rende muitos likes os jornais portugueses não hesitaram no momento de a partilharem. Confirmaram se aquilo era verdade? Claro que não! O que interessa é que "as redes sociais estão revoltadas com a situação.


O Jornal de Notícias talvez tenha sido o órgão de comunicação social que achou mais piada ao assunto e decidiu brincar aos jornalistas. Como? Ligou para a junta de freguesia de Armação de Pêra - ah, a praia era alegadamente no Algarve - e o presidente disse que aquilo era tudo mentira.


Se já temos o contraditório então está uma notícia feita, certo? ERRADO!!!!


Este é um fait diver típico desta época estival, mas resume bem aquilo que é o jornalismo hoje. Alguém diz uma coisa, vamos procurar alguém que diga o contrário e temos uma notícia feita. Não há verificações de factos, sacudimos a água do capote e não há cá responsabilidades para ninguém. Até porque se problemas houverem... "A responsabilidade não é nossa!"


Senhores dos jornais, se continuarem a partilhar as trends das redes sociais e a servir de pé-de-microfone para que vou eu comprar jornais?


Depois queixem-se da crise! 

Sem comentários:

Publicar um comentário